Amy Winehouse morreu sem drogas

Muito se especulou sobre a causa da trágica morte da cantora no dia 23 de julho de 2011. Agora, os exames toxicológicos confirmaram que a cantora não tinha qualquer substância ilegal no seu sangue quando morreu. “Os resultados toxicológicos entregues pelas autoridades à família Winehouse confirmaram que não existiam substâncias ilegais no organismo de Amy na altura da sua morte”, divulgou hoje, terça-feira, o porta-voz da família da cantora. Adiantou, ainda, que os mesmos exames “indicam que existiam vestígios de álcool, mas, por enquanto, ainda não se conseguiu apurar se esse foi um fator preponderante para a sua morte”. As razões que determinaram a morte de Amy Winehouse só deverão ser conhecidas em outubro, depois de ser concluída uma investigação forense.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s